Aventuras de uma trabalhadora

quarta-feira, agosto 03, 2011

Sabe, trabalhar em uma livraria tem seus altos e baixos. Como uma boa funcionária que sou, gosto de saber um pouco de tudo e, modéstia parte, absorvo muito rápido, aprendo muito rápido, sou uma esponja. Sendo assim eu sei um pouco de tudo em relação ao meu trabalho, o que me dá uma vantagem grande, enoorme em relação os "Clientes Despreparados". Sim, despreparados. Eles são aqueles que saem de suas casas para comprar, oque quer que seja, mas na verdade não sabe oque querem. São aqueles que chegam, na cara dura, em uma livraria e pedem um livro que eles não sabem o nome, não sabem o autor, não sabem a editora, não sabem onde viram e não sabem do que se trata... mas sabem que a capa tem uma faixa amarela ¬¬' É nessas horas que tu pensa: "Mas porque cargas d'agua tu saiu de casa? Volta pro teu buraco!".
É de se pensar que tu entre em um lugar no mínimo sabendo alguma coisa. "Ai, alguém me disse que esse livro é bom, mas eu não me lembro o nome..." Como assim ? Quando tu te lembrar, tu volta!
A minha intenção não é, de jeito nenhum, falar mal de alguém ou dos que ajudam a bater a meta da minha loja, mas sim deixar claro que nós, funcionários, não somos obrigados a saber de tudo. A loja tem no mínimo 20 mil livros e é óbvio que eu não li todos, com certeza não li nem a metade. Sou uma vendedora, não uma bibliotecária. Não carregos seus livros, não leio para os seus filhos, não sou obrigada a ouvir desaforos, não tenho que catar os livrinhos que seu filho maleducado jogou, nem limpar caquinha do chão, muito menos me preocupar com o saquinho de pipoca. Venho aqui com um desabafo e também porque quero dividir com vocês.


Livros são dividos por área (Literatura, Artes, Ciências Humanas, ...), dentro delas por seção (Literatura Estrangeira, História da Arte, Sociologia, ...) e dentro delas por ordem alfabética, geralmente pelo autor e não pelo título. Sendo assim não existe uma área com determinadas capas (duras, moles, espirais ou broxuras) ou muito menos ordenadas pela quantidade de páginas, isso seria impossível. Imagine quantas áreas seriam criadas, quantos livros seriam, sendo um para cada área, ou quanto espaço seria preciso ? Então quando um guri chegou para mim e me pediu isso: "Moça, onde ficam os livros de 112 páginas?", fiquei sem palavras, minha colega respondeu alguma coisa e eu virei as costas e fiquei mais de 10 min rindo. Que bom que eles foram embora, eu não me aguentei.

Claro que tem seus lados engraçados sem a tragédia do 'advinhe que livro eu quero'. Sempre que alguém vem para ti de 'cantinho' pode saber que coisa vem. E o mais provável, com certeza, é o Kama Sutra. Eles chegam falando baixo, com cabeça baixa e bem colados de ti: "Moça, vocês tem Kama Sutra ?  Eu queria dar de presente pra um amigo." Aham, sei... amigo ! Chega a ser fofo. Um rapaz, uma vez, esperou o meu colega homem que estava ali na frente sair e eu acabar de atender para que pegar bem no cantinho onde não tinha ninguém á vista para me pedir o Kama Sutra Gay. Nada contra, não é comigo, eu acho até legal.

No fundo eu me divirto um monte, entra cada maluco e no meio disso vai ter aquela que quero livro que ela viu na Oprah, mas ela não sabe falar inglês e a culpa é tua ou aquele que chega fazendo piada pois não sabe nada, mas fica feliz só de bater papo. Sei lá, acho que é uma terapia reversa ser cliente, despreparados ou não.

"Escolhe um trabalho de que gostes, e não terás que trabalhar nem um dia na tua vida."
Confúcio

OUTROS POSTS PARECIDOS

6 calcinhas

  1. Oi, Sharon!
    Eu sempre quis trabalhar numa livraria, hehe.
    Sei como é essa vida de vendedora, mas não fazia nem ideia que tinha gente que saia de casa para comprar um livro que nem sabe o título ou do que se trata.
    Mas é assim quando se trabalha com gente.
    Quando eu trabalhava no shopping, meu sonho era trabalhar na livraria. Enquanto nós arrumávamos e arrumávamos roupas e mais roupas, as meninas de lá ficavam lendo, ouvindo música calma, enquanto a maioria das pessoas que entravam lá eram os intelectuais.
    Se bem que tinham umas adolescentes gritando a cada livro Crepúsculo que viam, isso me deixaria irritada hehe
    Beijo flor.

    ResponderExcluir
  2. Bá, haha eu imagino que deva existir caaaaada situação , menina haha.
    Esses que querem um livro e não sabem de quem é, como é, enfim nada, tipo, como passa na cabeça dessa gente que só de falar "a capa é preta-azulada" um vendedor deve saber ?
    Mas enfim, como tu disse, deve ter os momentos legais tbm ;x
    Beijos
    Bruna
    http://desbravandohistorias.com.br

    ResponderExcluir
  3. haushaus, adorei o post!
    Deve ser legal trabalhar como vendedora, pelo menos as vezes. Deve ter situações engraçadas, mas também uns clientes meio malas.
    Eu um tempo estava afim de trabalhar numa livraria que tem num café que adoro, mas acabei deixando pra lá depois que passei no concurso, mas quem sabe né...
    beijos!

    ResponderExcluir
  4. Ah sempre tem disso. Não importa se tu é estudante, se tu trabalha... sempre vai ter pessoas "despreparadas", desaforadas mas também vão ter aquelas gentis, educadas, etc :D
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Oieeee
    legal seu emprego deve ser bacana. fico ate pensando sou tão timida e qndo me formar tbm vou ter que lidar com as pesssoas =/ e tenho certeza que vou ter q enfrentar varias situações complicadas... beeeijo

    ResponderExcluir
  6. Ahh, eu acho super legal trabalhar em uma biblioteca. Mas você pensa em ser bibliotecária?
    Esses clientes assim são tensos HEWOIURHWERHEW. Há milhares de livros na biblioteca, e não saber nem o autor, tampouco o título... eles pensam que somos adivinha.
    Nossa o.o Kama Sutra Gay! HDSOIUFHSDIOUHFDSUIHFSD Existe isso? Meu Deus, hein.

    Mas quando eu era criança, costumava ir à biblioteca procurar o livro sem saber o autor, mas o título eu sabia e tal. E às vezes chegava "é um de Bruxas", e eles sempre sabiam qual era. Incrível.
    Esse das 112 é pedir rpa morrer também, hein.
    Beeijos, Sharon.

    ResponderExcluir

Sorvete de Girafa

Temos um Ateliêr de Amigurumis e outras peças super fofas. Vêm nos seguir!

Quote

"It's just a sparkle but it's enough to keep me going.
And when it's dark out, no one around, it keeps glowing!"
- PARAMORE -