Quando

segunda-feira, julho 13, 2015

Às vezes me pego pensando em qual momento da minha vida eu desisti do argumento....

Sempre fui uma pessoa que lutou por aquilo de achava certo e que insistia até o fim quando assunto era me defender. Estar certa sem injustiças. Não me entendam errado, eu sei entrar em um belo bate boca, mas o caso é que desisti de argumentar lógicas ! Coisas que me incomodariam como, minha mãe insistindo em dizer que deixo o pano da pia embolado no canto, quando eu sei que nem encostei no tal pano... antigamente me veria na situação de impor os fatos de que nem apareci na cozinha, muito menos peguei no pano, já que estava no quarto o tempo inteiro. E procuraria fatos, e teria depoimento do meu pai dizendo que foi ele e fecharia com um frase irritadiçamente furiosa.
Hoje, se uma coisas dessas acontece, minha cabeça vai a milhão querendo apontar o dedo e dizer alguma verdades, mas o resto do meu corpo simplesmente não faz nada. Continuo minha vida como se aquilo não me incomodasse. Só que incomoda ! E muito !

Sinto de desisti. Sinto que joguei a bandeira no chão no meio da guerra e não foi a bandeira branca. Não. Joguei no chão a bandeira do meu time. Sinto que peguei tudo aquilo que me fez ser quem eu sou e guardei. Tranquei eu mesma dentro de uma armário. Eu sei que estou ali, eu me ouço gritar e pensar naquilo que deve ser feito, mas meu corpo não age.

Me sinto irritada constantemente. Sinto que quando eu estou feliz, não deveria... como se estivesse errado. Como se eu estivesse fazendo algo errado. "Tu tá aí rindo, mas e aquilo que aconteceu ? Já esqueceu ?". Parece que estou me dando bem, por cima de outra pessoa. Sinto minha mente falhar, minha memória me deixar na mão.

Ás vezes vejo que faço coisas para agradar outros e no fim do dia eu fiquei infeliz. Não sou tão altruísta assim. Quando tudo isso aconteceu ? Quando foi que tomaram conta do meu corpo e eu não comando mais ? Quando foi que me tornei tão compassiva ?

Sinto aqui dentro alguém gritando "Não é assim que se faz !", só que no fim das contas passo tempo demais com um aperto no peito. Engulo mais sapos do que posso suportar e o sono nunca é bem aproveitado...

OUTROS POSTS PARECIDOS

0 calcinhas

Sorvete de Girafa

Temos um Ateliêr de Amigurumis e outras peças super fofas. Vêm nos seguir!

Quote

"It's just a sparkle but it's enough to keep me going.
And when it's dark out, no one around, it keeps glowing!"
- PARAMORE -